Edson Queiróz

Edson Queiróz nasceu em Cascavel, no dia 12 de abril de 1925 e faleceu em Pacatuba, no dia 08 de junho de 1982. Era filho de Genésio Queiróz e Cordélia Antunes Queiróz. Casou-se em 08 de setembro de 1945 com Yolanda Pontes Vidal, com quem teve seis filhos: Airton José, Myra Eliane, Edson Filho, Renata, Lenise e Paula.

Iniciou seus estudos no Colégio Cearense, depois do Seminário da Prainha e concluiu o ensino fundamental no Liceu do Ceará. Em 1948 conclui o curso de técnico contábil no ensino médio.

Em 1947, juntamente com seu pai e outros sócios, montou a Loteria Estadual de Fortaleza, em 1949, fundou a Loteria Estadual de Pernambuco. Em 18 de junho de 1951, fundou a empresa “Edson Queiroz e Cia.”, uma empresa de distribuição de gás de cozinha (GLP). Depois fundou a “Edson Queiróz Navegações”, com uma frota inicial de cinco embarcações. E, 13 de abril de 1955 fundou uma filial da “Edson Queiroz e Cia.” no Pará, e a Radio Verdes Mares, em junho do mesmo ano. Em 1957 a empresa “Edson Queiroz e Cia.” mudou a razão social para “Norte Gás Butano S.A.”, e foi criada a “Sociedade Butano Ltda.”, com atuação no setor imobiliário.

Em 1959, a “Norte Gás Butano S.A.” inaugurou o “Terminal Ernesto Igel”, o primeiro terminal oceânico do Nordeste, em Fortaleza. Em 21 de abril de 1960, inaugurou o terminal de gás de Belém. Em 1961 adquiriu o controle acionário da Rádio Verdes Mares AM. Em 1963 inaugurou a “Tecnomecânica Norte Ltda.”, a “Tecnorte” e a “Estamparia e Esmaltação Nordeste S/A. – Esmaltec”.

Em 1967 comprou as fábricas de bicicleta “Bristo” e “Goering”, que posteriormente foram vendidas à Monark. Se associou a José Afonso Sancho no Jornal Tribuna do Ceará, onde implantou o sistema pioneiro de composição a frio e impressão offset.

Em 1968, associado ao empresário Edmundo Rodrigues, fundou a “Cascavel Castanha de Caju Ltda. – Cascaju”, empresa especializada no beneficiamento e exportação de castanha de caju. Em 26 de maio de 1969 recebeu a medalha “Mérito Timbira”, outorgada pelo então governador do Maranhão, José Sarney. Em janeiro de 1970 inaugurou em Teresina, a “Piauí Gás Butano” e a “TV Verdes Mares”.

Em 17 de abril de 1971, os conselhos Curador e Diretor da Fundação Edson Queiróz, decidiram criar a “Universidade de Fortaleza – Unifor”. Em 05 de março, recebeu do governador Plácido Aderaldo Castelo, então governador do Ceará, a medalha “Abolição”.

Em 1972, iniciou investimentos no setor pecuário, com a “Butano Agropecuária” , e recebeu o título de “Cidadão de São Luis”, em 03 de dezembro do mesmo ano. Em 1973 a “Norte Gás Butano” comprou o acervo da Brasilgás em Alagoas, Pernambuco, Pará e Rio Grande do Norte, e inaugurou o “Terminal José Ribamar Marão”, da “Maranhão Gás Butano”. No mesmo ano recebeu a “Placa de Prata Homem do Petróleo do ano”. Em 1975 inaugurou a “Radio Verdes Mares FM”. Em 1976 comprou a “Heliogás” no Rio de Janeiro e entrou em operação a “Norte Gás Butano Distribuidora Ltda.”

Edson Queiróz recebeu ainda o título de “Cidadão de Belém” e o troféu “Mascate do ano” em 1976, conferido pela Confederação Nacional do Comercio no Rio de Janeiro. Recebeu ainda diversas homenagens no Ceará.

Em 1978 A Norte Gás Butano inaugurou sua base em Maceió-AL, e o Grupo Edson Queiróz adquiriu a marca de água “Indaiá”.

Em 1981 fundou o “Jornal Diário do Nordeste”, que circulou pela primeira vez em 19 de dezembro de 1981, trazendo uma grande inovação, páginas coloridas. Adquiriu ainda, rádios nos estados de Pernambuco e Rio de Janeiro.

Faleceu no acidente com o avião da VASP em 08 de junho de 1982, quando o mesmo se chocou com a serra de Pacatuba.

O “Grupo Edson Queiróz” ficou sendo administrado pela viúva Iolanda Queiróz. Atualmente é um dos maiores grupos do país, envolvendo o Grupo Verdes Mares de Comunicação, Universidade de Fortaleza – Unifor, Grupo Indaiá (Água mineral) e Grupo Esmaltec.

Fonte: Wikipedia
Jaqueline Aragão Cordeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*