Hospital Geral de Fortaleza – HGF

banner_hgf_faxada_1

O Hospital Geral de Fortaleza foi inaugurado em 23 de maio de 1969 como Hospital Geral do Serviço Público Federal, passando a ser administrado pela Secretaria Estadual de Saúde em 1990. É o maior hospital da rede pública do Ceará, servindo à população do estado e, por sua referência e complexidade, também aos estados vizinhos, em diferentes áreas de saúde. É referência nas especialidades de Cirurgia Geral, Neurologia, Neurocirurgia, Reumatologia, Nefrologia, Transplante Renal, Gineco-obstetrícia, Traumato-ortopedia, Oftalmologia, entre outras.

Além do atendimento de emergência(aberta) nas áreas de cirurgia geral e vascular, clínica médica, obstetrícia e neurologia, o HGF possui 63 especialidades e sub-especialidades médicas e outros serviços de saúde – enfermagem, fisioterapia, fonoaudiologia, terapia ocupacional, nutrição, farmácia, bioquímica, psicologia e serviço social. Hoje, o Hospital Geral de Fortaleza mantém o único Banco de Olhos do Estado, fazendo a captação, preservação e distribuição de córneas para os 13 centros transplantadores de todo o Ceará. Além de realizar transplantes de córneas, faz transplantes de fígado, pâncreas e rim. O Centro de Transplantes Renais é referência no Norte e Nordeste, já tendo realizado mais de mil transplantes, marca atingida em 2009.

Em outubro de 2009, o HGF inaugurou a Unidade de AVC, com estrutura moderna e equipe interdisciplinar de plantão 24 horas para fazer um atendimento diferenciado ao paciente que chega na emergência com AVC, a principal causa de morte hoje em todo o Brasil. A Unidade é a maior do país com vinte leitos e capacidade para atender 150 pacientes por mês.

O Hospital Geral é também um dos maiores centros de treinamento do País, certificado por portaria interministerial(Ministérios da Saúde e Educação) como hospital de ensino, atuando na formação de médicos em nada menos que 24 especialidades.

Atualmente, o hospital realiza 1.150 cirurgias, 16 mil consultas e 100 mil exames laboratoriais por mês. Na área de exames especializados, o hospital é o único da rede pública estadual a realizar Ressonâncias Magnéticas e Eletroneuromiografias.

Com a inauguração da Unidade Régis Jucá, em maio de 2009, o Hospital Geral de Fortaleza passou a contar com 438 leitos. Ao fim da reforma da Ala Sul, prevista para dezembro de 2010, a capacidade vai aumentar para 513 leitos. O corpo funcional totaliza cerca de três mil entre trabalhadores vinculados à Secretária da Saúde e Ministério da Saúde, bem como Cooperados e Terceirizados.

Fonte: Site do governo estadual
Jaqueline Aragão Cordeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*