Julio Barbosa Maciel

Júlio Barbosa Maciel nasceu em Baturité no dia 28 de abril de 1888 e faleceu em  Fortaleza no dia 08 de abril de 1967. Filho de Raimundo Ferreira Maciel e de Emília Barbosa Maciel, era irmão do advogado e político Godofredo Maciel. Foi batizado em 21 de junho de 1888, na igreja matriz de Nossa Senhora da Palma, em Baturité, pelo padre Bernardino Ferreira Antero.

Formou-se bacharel em Direito na Faculdade Livre de Direito do Rio de Janeiro, e atuou como promotor público e juiz de direito. Em 1925, participou da eleição do jornal O Povo para escolher o primeiro Príncipe dos Poetas Cearenses, mas foi derrotado pelo Padre Antônio Tomás.

Publicou Terra Mártir (1918) e Poemas da Solidão (1943). Em Poemas Reunidos, de 1986, toda a sua obra foi republicada.

Ingressou na Academia Cearense de Letras por ocasião da primeira reorganização, em 8 de setembro de 1922, ocupando a cadeira 38. Em decorrência das reorganizações sofridas pela ACL, em 1930 e em 1951, ocupou, respectivamente, as cadeiras 24 e 28, cujo patrono é Mário da Silveira.

Fonte: Wikipédia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*