Ramos Cotoco

Raimundo Ramos de Paula Filho, o Ramos Cot√īco, nasceu em Fortaleza no dia 21 de maio de 1871 e faleceu em Fortaleza, no dia 20 de outubro de 1916. Foi poeta, compositor, cantor e pintor. Recebeu o apelido de Cot√īco por ter nascido sem o antibra√ßo. Apesar da insatisfa√ß√£o, a brincadeira tornou-se quase um sobrenome, e foi assim que ele ficou conhecido ao longo dos anos. Era filho de Raimundo Ramos de Paula, comerciante, e de Rufina Ramos, dona de casa. Ficou √≥rf√£o de pai aos 16 anos, quando come√ßou a trabalhar como pintor para sustentar a m√£e. Foi casado Continue lendo Ramos Cotoco

Dicionário de Cearês

Document√°rio: “Humberto Teixeira – vida e m√ļsica”

O document√°rio √© um filme biogr√°fico sobre o compositor cearense, que tamb√©m foi advogado e pol√≠tico. Humberto Teixeira √© muito lembrado por sua parceria com Luiz Gonzaga. Juntos, eles criaram m√ļsicas que s√£o conhecidas mundialmente, como ‚ÄúBai√£o‚ÄĚ e ‚ÄúAsa Branca‚ÄĚ. Ele tamb√©m teve outros parceiros e fez muito sucesso compondo sozinho. Na condi√ß√£o de advogado e pol√≠tico, atuou como grande defensor do direito autoral no cen√°rio da m√ļsica brasileira. TV Assembleia ‚Äď Cear√° Jaqueline Arag√£o Cordeiro

A hegemonia Urbana de Fortaleza e o Governo de Martiniano de Alencar

Desde o final do s√©culo XVIII, o algod√£o do Cear√° fazia parte da agenda de produtos exportados pelo Brasil. A vila, aos poucos, foi sendo dotada de infraestrutura e servi√ßos para atender √†s transa√ß√Ķes comerciais diretas com Lisboa, iniciadas em 1804. Durante o s√©culo XIX, com o avan√ßo da ind√ļstria t√™xtil na Europa, aumentou consideravelmente a demanda pelo produto. A partir de meados do s√©culo XIX, a queda na produ√ß√£o de outros fornecedores e a Guerra da Secess√£o (1861-64) nos Estados Unidos, poderoso concorrente, contribu√≠ram para expandir significativamente a ind√ļstria algodoeira cearense e para dinamizar o com√©rcio de sua capital. Continue lendo A hegemonia Urbana de Fortaleza e o Governo de Martiniano de Alencar

Conhecendo o Cear√°

13 de novembro: Dia Mundial da Gentileza

O Dia Mundial da Gentileza (World Kindness Day) √© uma observ√Ęncia internacional em 13 de novembro. Foi introduzido em 1998 pelo World Kindness Movement uma coaliz√£o de ONGs de gentileza das na√ß√Ķes. √Č observado em muitos pa√≠ses, incluindo Brasil, Canad√°, Jap√£o, Austr√°lia, Nig√©ria e Emirados √Ārabes Unidos. Em 2009, Cingapura observou o dia pela primeira vez. It√°lia e √ćndia tamb√©m observaram o dia. No Reino Unido, ele √© liderado por David Jamilly, co-fundador do Kindness Day UK. Em 2010, a pedido de Michael Lloyd-White, a Associa√ß√£o dos Pais e dos Cidad√£os da Federa√ß√£o NSW escreveu ao Ministro do Departamento de Continue lendo 13 de novembro: Dia Mundial da Gentileza

Gaiatice

Mais gaiatice der ruma

A cana-de-a√ß√ļcar

A cana-de-a√ß√ļcar, nome comum de uma herb√°cea vivaz, planta da fam√≠lia das gram√≠neas, esp√©cie Saccharum officinarum, origin√°ria da √Āsia Meridional, √© muito cultivada em pa√≠ses tropicais e subtropicais para obten√ß√£o do a√ß√ļcar, do √°lcool e da aguardente, devido a sacarose contida em seu caule, formado por numerosos n√≥s. Os colmos, caracterizados por n√≥s bem marcados e entren√≥s distintos, quase sempre fistulosos, s√£o espessos e repletos de suco a√ßucarado. As flores, muito pequenas, formam espigas florais. Existem diversas variedades cultivadas de cana-de-a√ß√ļcar, que se distinguem pela cor e pela altura do caule, que atinge entre 3 e 6 m de altura, Continue lendo A cana-de-a√ß√ļcar

Fortaleza em preto e branco – Igrejas

Fotos: Arquivo Nirez Jaqueline Arag√£o Cordeiro