Dom & Ravel

Dom & Ravel (Eustáquio e Eduardo) foi uma dupla brasileira, que surgiu na década de 1960. Em 1970, por ocasião da Copa do Mundo realizada no México, conquistou o país com “Eu Te Amo, Meu Brasil”, que estourou nas paradas de sucesso. O sucesso foi absoluto nos anos seguintes. Dom & Ravel se apresentaram por todo o país e nos principais programas de rádio e de televisão, ganhando vários prêmios. A música ufanista era utilizada pelo regime militar em eventos cívicos. Eustáquio Gomes de Farias nasceu em Itaiçaba (170 km de Fortaleza), em 21 de agosto de 1944 e Eduardo Continue lendo Dom & Ravel

Manuel Moreira da Rocha

Manuel Moreira da Rocha, conhecido como Mané Onça, nasceu em Caucaia, antiga Vila de Soure, em 26 de Setembro de 1880 e faleceu em 08 de Março de 1935. Era filho de Pedro da Rocha Motta e Anna Moreira da Rocha. Formou-se em medicina e farmácia pela Faculdade de Medicina da Bahia, interno da cadeira de Clinica Cirúrgica regida pelo professor Pacheco Mendes, e diretor da Sociedade Beneficência Acadêmica. Sua Tese, apresentada a Faculdade e perante ela defendida a 9 de Dezembro de 1904, versou sobre “O genu valgum e seu tratamento” e foi aprovada com distinção. Além da tese Continue lendo Manuel Moreira da Rocha

Documentário Raymundo Cela

Para ver o vídeo, é só clicar no título do post TV Assembleia – Ceará

José Wilker

José Wilker Almeida nasceu em Juazeiro do Norte no dia 20 de agosto de 1944 e faleceu no Rio de Janeiro, em 05 de abril de 2014. Era filho de Severino Almeida, um caixeiro viajante, e de Santa (Raimunda) Almeida, dona de casa, José Wilker nasceu em Juazeiro do Norte no dia 20 de agosto de 1944 e mudou-se com a família, ainda adolescente, para o Recife. O primeiro trabalho de José Wilker foi com apenas 13 anos, como figurante no teleteatro da TV Rádio Clube, do Recife. A aparição inicial foi como cobrador de jornal na peça “Um bonde Continue lendo José Wilker

Documentário Barão de Studart

Para ver o vídeo, é só clicar no título do post TV Assembleia – Ceará

Francisco Valdivino Nogueira, Padre Valdivino

Francisco Valdivino Nogueira nasceu no dia 24 de abril de 1866, no lugar chamado Jurema, em Limoeiro do Norte. Foi o primeiro filho de Valdivino de Sousa Nogueira e de Maria Joana Nogueira.  O casal viajava de Redenção para Limoeiro, onde Maria Joana daria a luz, na casa de seus pais. Porém, a cansativa viagem, sob o forte inverno daquele ano, fez com que a gestante não conseguisse chegar ao destino para dar a luz, o fato aconteceu no trajeto, sob um pé de oiticica e deitada em uma cama feita com varas. Assim veio ao mundo o pequeno Francisco. Continue lendo Francisco Valdivino Nogueira, Padre Valdivino

Antônio da Cruz Saldanha

Antônio da Cruz Saldanha nasceu em Canindé, no dia 24 de Abril de 1852 e faleceu, vítima de um aneurisma, em 26 de Julho de 1908. Era filho de Joaquim José da Cruz Saldanha, nascido em 17 de Janeiro de 1813 e falecido em 26 de Junho de 1876, e de D. Anna Quitéria, filha do Capitão-mor Bento Ferreira Rabello. São seus avós paternos o Licenciado José Joaquim da Cruz, que veio para o Brasil como Secretario do Maranhão, e de Maria do Nascimento Barbosa, filha de Simão Barbosa Cordeiro. Estabeleceu-se em Fortaleza em 1874, com uma casa de comércio, Continue lendo Antônio da Cruz Saldanha

João da Cruz Saldanha

João da Cruz Saldanha nasceu em Canindé no dia 12 de Julho de 1853. Era filho de Joaquim José da Cruz Saldanha e de Anna Quitéria da Cruz Saldanha. Vinha dos Barbosa Cordeiro, cujo tronco foi Frutuoso Barbosa, donatário da Paraíba e cunhado de Pero Coelho de Sousa. Ordenou-se no Seminário de Fortaleza a 16 de Janeiro de 1876 e celebrou a primeira missa no dia 2 de Fevereiro em Canindé. Começou seus estudos no Atheneu Cearense. Em companhia do Padre Bruno R. de Figueredo fundou e dirigiu o Instituto Cearense de Humanidades, situado na rua de Baixo, atualmente Sena Continue lendo João da Cruz Saldanha

Antônio Frederico de Carvalho Mota

Antônio Frederico de Carvalho Mota nasceu em Granja, no dia 23 de março de 1856 e faleceu no Rio de Janeiro, em 2 de fevereiro de 1927. Era filho do Coronel Francisco de Carvalho Mota. Seu pai foi agente co correio de Sobral, quando da implantação do serviço postal no Ceará. Foi comerciante, estabelecendo-se com a firma Carvalho Mota & Irmão, com sede na cidade de Granja. Foi nomeado tenente-coronel comandante do Batalhão de Infantaria da Guarda Nacional da cidade. Transferindo-se para Fortaleza, foi diretor do Banco do Ceará e posteriormente seu presidente. Associou-se ainda, a várias empresas lucrativas. Em Continue lendo Antônio Frederico de Carvalho Mota

Antônio Tibúrcio Ferreira de Souza – General Tiburcio

Antônio Tibúrcio Ferreira de Souza Nasceu em Viçosa do Ceará, no dia 11 de agosto de 1837 e faleceu em Fortaleza, no dia 28 de março de 1885. Era filho de Francisco Ferreira de Souza e Margarida Ferreira de Souza. Aos 14 anos, sentou praça, como voluntário, no Meio Batalhão de Infantaria, com sede na Fortaleza de Nossa Senhora da Assunção. Exerceu altos cargos militares, começando como Praça no Batalhão de Linha em Fortaleza. Por volta de 1851 foi para a Core, no Rio de Janeiro, onde foi incorporado ao 1º Batalhão de Artilharia. Demonstrando inclinação para as ciências exatas, Continue lendo Antônio Tibúrcio Ferreira de Souza – General Tiburcio