Historia do Ceará Comentada

Manual apresentado pelo professor Airton de Farias, com dicas​ e ​sínteses para aplicação dos documentários em sala de aula​.​ Fonte: Fundação Demócrito Rocha Jaqueline Aragão Cordeiro

Maracatu Cearense

Maracatu é um ritmo musical, dança e ritual de sincretismo religioso cristão com as crenças africanas. Nos registros mais antigos, os desfiles de maracatu em Fortaleza ocorriam nas festas do ciclo natalino, nas festas da Nossa Senhora do Rosário e de Corpus Christi, onde não eram bem aceitos. Á partir de 1937, com o desfile de estreia do maracatu Az de Ouro, criado por Raimundo Alves Feitosa em 1936, o maracatu cearense passou a assumir a formação de um bloco carnavalesco e a desfilar durante os carnavais, como ocorre até hoje. Fonte: Fundação Demócrito Rocha Jaqueline Aragão Cordeiro

Jingle Macarrão Fortaleza

Jingle inesquecível

Isaac Correia do Amaral

Isaac Correia do Amaral nasceu em Fortaleza, no dia 18 de setembro de 1859, e faleceu em abril de 1942, no sítio Bonfim, localizado na serra de Guaramiranga. Era Filho de João Antônio do Amaral e Maria Correia de Melo. Em 1871 viajou para a Alemanha, onde cursou o Liceu Prussiano, na cidade de Altona. Ao retornar, demorou algum tempo em Lisboa, a fim de retomar o idioma português. No Ceará, foi um dos mais convictos abolicionistas e um dos fundadores da Sociedade Cearense Libertadora, seguindo a atuação de sua família. Esteve no Amazonas, onde participou ativamente da campanha abolicionista. Projetista, Continue lendo Isaac Correia do Amaral

Igreja do Pequeno Grande

A história da Igreja do Pequeno Grande, se inicia em 5 de agosto de 1856, quando a Lei 759 criava em Fortaleza a primeira casa de educação e recolhimento de meninos órfão, em 1866 extinguiu-se aquela casa pioneira e foi criado o Colégio das órfãs, sob a orientação das irmãs de São Vicente de Paulo e já com o nome de Imaculada Conceição. A Igreja do pequeno Grande se insere em um esplendido conjunto arquitetônico, formado por o colégio da Imaculada Conceição, ocupando um quarteirão frente a Praça Figueiras de Melo onde se encontra a escola Normal, Escola Justiniano de Continue lendo Igreja do Pequeno Grande

Lauro Maia

Lauro Maia Teles nasceu em Fortaleza, no dia 06 de novembro de 1913 e faleceu no Rio de Janeiro em 05 de janeiro de 1950. Foi um compositor, arranjador e instrumentista, figura maior no campo da pesquisa musical folclórica. O cearense que criou o “balanceio”. Pelo lado materno, era sobrinho-neto do Barão de Camocim. Lauro ensaiou seus primeiros passos como músico e compositor no piano da mãe e foi dela que o garoto recebeu as primeiras aulas de teoria musical. Com apenas 13 anos, começou a apresentar-se, tocando piano no Cine-Teatro Majestic, em Fortaleza. Em 1935 começou a trabalhar na Continue lendo Lauro Maia

Onda de violência no Ceará

A onda de violência no Ceará, desencadeada por bandidos e que já dura 9 dias, assusta a população e causa prejuízos aos municípios. A situação financeira que já não é fácil, fica pior com a destruição pelo fogo, de carros e prédios públicos, que vai impactar também, na vida das famílias desses bandidos, pois precisam das nossas escolas, hospitais, transporte público. O Presidente não é presidente somente dos estados que votaram nele, é presidente do Brasil, isso inclui o Estado do Ceará, mesmo que ele não tenha tido maioria aqui, então, a ajuda federal é muito bem vinda e ficamos Continue lendo Onda de violência no Ceará

João Perboyre e Silva

João Perboyre e Silva nasceu em Redenção, no dia 18/09/1905, era filho de Luiz José Pereira da Silva e Maria Júlia Pereira Silva. Iniciou os estudos em sua cidade natal e fez o curso de preparatórios no Liceu do Ceará e se graduou pela Faculdade de Direito, em 1929. Aluno brilhante, ocupou interinamente a cadeira de Direito Internacional Privado da mesma Faculdade, de 1939 a 1947. Foi jornalista e escritor. Era casado com Waldeliz e tiveram uma filha chamada Ruth. Ainda acadêmico de direito, voltou-se para o jornalismo, fundando, juntamente com os colegas Paulo Sarasate, Plácido Castelo e Parsifal Barroso, Continue lendo João Perboyre e Silva

Estrada de Ferro de Camocim

A estrada de Ferro de Camocim originalmente foi o trecho inicial da Estrada de Ferro do Sobral (Camocim-Sobral), aberto nos anos 1881 e 1882. Em 1909, toda a E. F. de Sobral foi juntada com a E. F. de Baturité para se criar a Rede de Viação Cearense, imediatamente arrendada à South American Railway. Em 1915, a RVC passa à administração federal. A linha da antiga E. F. de Sobral chega a seu ponto máximo em Oiticica, na divisa com o Piauí, em 1932, mas, em 1950, com a ligação de Sobral a Fortaleza pelo ramal de Itapipoca, o trecho Continue lendo Estrada de Ferro de Camocim

Guaraciaba do Norte

Guaraciaba do Norte está localizada a 320 km de Fortaleza, na Serra da Ibiapaba. Possui uma altitude de 902,4 metros. O município tem uma área de 534,72 km² e um total de 38.529 habitantes. Guaraciaba do Norte foi elevado à categoria de vila com a denominação de Vila Nova Del Rei em 12 de maio de 1791, mas somente foi elevado à categoria de cidade em 20 de dezembro de 1938. Recebeu a sua atual denominação Guaraciaba do Norte somente em 1951. “Guaraciaba” é um termo de origem tupi que significa “lugar do sol”, através da junção dos termos kûarasy Continue lendo Guaraciaba do Norte