CARNE-DE-SOL E CARNE-SECA

A principal diferença é que a carne-seca, como o nome dá a entender, é mais seca que a carne-de-sol. E também mais salgada. A carne-seca tem um teor de umidade de aproximadamente 45% e até 15% de sal; a umidade da carne-de-sol atinge 70%, com 5% ou 6% de sal.  A carne-de-sol, diferentemente do que o nome dá a entender, não é exposta aos raios solares. “Os cortes do traseiro do boi são salgados e deixados para secar por 2 ou 3 horas em um lugar coberto, de preferência com vento”, diz Aguifá Lira Dantas, secretário da Agricultura de Picuí, Continue lendo CARNE-DE-SOL E CARNE-SECA

O Caju

O cajueiro é uma árvore tropical, nativa do Brasil. Na Amazônia tropical, as árvores apresentam porte bastante elevado; nos estados do Nordeste, a principal espécie é o Anacardium occidentaleL., cujas árvores apresentam pequeno e médio porte. Nas regiões de cerrado do Brasil, as espécies podem apresentar porte médio, como o cajueiro-arbóreo-do-cerrado (Anacardium othonianum), porte arbustivo como o cajueiro-do-campo (Anacardium humile) e ainda o de porte rasteiro (Anacardium nanum e Anacardium corymbosum). Em termos de importância econômica, a sua exploração se concentra no Nordeste, principalmente nos estados do Ceará, Piaui e Rio Grande do Norte, com mais de 95% da produção. Apesar da sua potencialidade, a Continue lendo O Caju

Carne-de-sol

A carne-de-sol, denominada também de carne-de-sertão ou  carne-do-ceará, é um método de conservar alimentos de origem animal, salgando e secando ao sol peças de carne, em geral bovina e por extensão, o nome do alimento preparado deste modo. É, normalmente, confundido com carne seca. Apesar de possuírem processos parecidos há uma grande diferença no sabor. A carne-de-sol é ligeiramente salgada e depois colocada para secar em local coberto e ventilado. O processo de secagem é rápido e o interior da carne fica úmido e macio. Já a carne seca leva mais sal e é empilhada em locais secos para sua Continue lendo Carne-de-sol

Restaurante tilápia da terra

O restaurante “TILÁPIA DA TERRA” foi criado em junho de 2005, está localizado na estrada velha no Icarai, Km 03, e fica aberto diariamente de 9 as 20 horas e domingo até as 18 horas. A proprietária, Raquel Nunes, oferece um cardápio regionalizado e excelente atendimento. A base do Cardápio é o peixe cará tilápia, que pode ser em forma de peixada ou assado na brasa, ambas as opções são incrivelmente saborosas. O peixe servido é sempre fresco, fica acondicionado em tanques e só são retirados na hora de levar até e cozinha onde vai ser preparado. Não podemos deixar de Continue lendo Restaurante tilápia da terra

Baião-de-Dois

Baião-de-Dois é um prato típico do Estado do Ceará. Também é bastante apreciado nos estados de Rondônia e Acre. Consiste num preparado de arroz e feijão, de preferência o feijão verde ou feijão novo. É frequente adicionar-se carne-seca (charque). O termo baião, que deu origem ao nome do prato, designa uma dança típica do nordeste, por sua vez derivada de uma forma de lundu, chamada “baiano”. A origem do termo ganhou popularidade com a música Baião de Dois, parceria do compositor cearense Humberto Teixeira com o “Rei do Baião”, Luís Gonzaga, na metade do século XX. A origem cearense do Continue lendo Baião-de-Dois