Coisas do Sertão – Parte 5

Tamborete – É um pequeno banco, geralmente em madeira, baixo e pequeno, sem braços nem encosto, com assento para apenas uma pessoa. Ele recebeu esse nome porque é feito de couro de animal (o mesmo material usado para fazer tambores) no início ele se parecia muito com tambores, mas era menor, por isso “tamboretes”. Atualmente já se faz com o assento de madeira.
http://fuleiragem.typepad.com/photos/feira_livre_de_campina_gr/dsc00804.JPG
Vassoura de palha – É feita com palha de carnaúba, de forma bem tradicional. É amplamente usada no interior e também chegou na cidade há bastante tempo. Até hoje, é utilizada em várias casas, existe inclusive, quem não abra mão desse utensílio.

Cuia – É um utensílio doméstico feito da cabaça, serrando-a ao meio, utilizado para se colocar grãos, água, etc. A cabaça inteira, chamada cabaça de colo, é utilizada para transportar água, tanto a cabaça como a cuia, passam por um processo de curtição para não deixar gosto na água.
Lamparina – É um utensílio feito com uma placa de metal soldada, potes de vidro ou latas pequenas, no centro se coloca uma espécie de tubo por onde passa o pavio, um trançado feito com algodão. Como combustível era usado querosene. Seu uso se estende desde a pré-história até os dias de hoje.

Imagens: Arquivo pessoal
Jaqueline Aragão Cordeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*