Cores do Ceará

O estado do Ceará é formado por cores infinitas nas duas estações que temos bem definidas: inverno e verão. O olhar de nativa apaixonada, me faz ver a grandiosidade da beleza oculta nos pequenos detalhes, como o renascimento da caatinga com algumas gotas de água, o encanto que a chuva causa em nós, olhar o tempo nublado e achar que está lindo.

No inverno o cheiro de terra molhada e o verde da caatinga alegram o sertanejo. O verde é mais verde, as flores surgem nas manhãs cobertas pela leve névoa, a temperatura ai para agradáveis 25 graus durante o dia e até 10 graus nas noites serranas. O vento gelado do final de tarde, reúne pessoas nas calçadas das cidades e nos alpendres das casas do interior para uma conversa animada. Algumas vezes a lua se arrisca a brilhar, mas a noite nublada ofusca sua luminosidade esplendorosa e aproveitamos a brisa refrescante, tão rara na terra da luz.

No verão, o sol a pino e a água gelada do mar, alegram turistas e nativos, amantes das lindas praias que banham nosso estado. O céu é mais azul, o sol alaranjado parece estar ao alcance das mãos, o calor amenizado por um banho de mar, o passeio de bugre nas dunas, a água de coco gelada, saboreada lentamente enquanto admiramos as ondas do mar quebrando na praia, caminhar na areia como se o mundo fosse apenas aquele pedacinho de chão.

Fotos: Arquivo pessoal
Jaqueline Aragão Cordeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*