Distrito Industrial de Jaguaribe

O projeto do distrito industrial de Jaguaribe foi uma iniciativa de empresários paulistas em parceria com os governos locais para o desenvolvimento econômico da região, que segundo estudos, uma grande alternativa para exploração de exportações com a viabilidade portuária de Fortaleza. O complexo tinha como objetivo formar um sistema cooperativo de relações econômicas e sociais.

A contribuição social do empreendimento, além da oferta de empregos diretos e indiretos, tinha por base o desenvolvimento cultural. Para isso fez parte do projeto a construção do CSI – Centro social integrado, com atividades culturais como apoio a área de ensino e educação, esportes e lazer.

A inauguração do complexo aconteceu no dia 14 de maio de 2011, com a presença do então governador, Cid Gomes. O ato de inauguração do distrito industrial reuniu autoridades, empresários e os beneficiados. Para a instalação do Distrito Industrial, foram investidos R$ 198.876.469,00 e representa um marco no desenvolvimento econômico do Ceará gerando 3.057 empregos diretos.

A obra de abastecimento de água recebeu um investimento de R$ 2,1 milhões para atender as necessidades das indústrias instaladas e as empresas que ainda iriam se instalar.

Na época da inauguração, o complexo reunia dez empresas dos mais variados ramos, como biotecnologia industrial, produtos de papel, fabricação de calçados, produtos naturais, de alumínio, embarcações para lazer e esportes aquáticos, panelas, móveis, dentre outros.

Fonte: Jornal Diário do Nordeste
Jaqueline Aragão Cordeiro

Author: Jaqueline Aragão Cordeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *