TAF Linhas Aéreas

Em 1957 o Comandante Ariston Pereira de Araujo fundou a Taxi Aéreo Fortaleza – TAF. A pequena empresa estava sediada no Aeroclube de Fortaleza e prestava serviços de táxi aéreo. Em 7 de outubro de 1980 a TAF recebeu sua primeira aeronave Embraer 110.

Em 1992 apareceu no cenário regional de aviação com uma frota de dois Cessna 208 Caravan e dois Embraer 110 que operavam as linhas da Rede Postal Noturna nas cidades de Recife, Fortaleza, João Pessoa, Natal, Juazeiro do Norte e Sobral.

Em 1º de março de 1995 foi declarada linha aérea regular em 17 de março de 1996 passou a se chamar TAF Linhas Aéreas S.A.

Em 1998 a empresa operou passageiros somente na linha Juazeiro do Norte – Sobral – Iguatu. Em 1999 começou a sofrer concorrência da Nordeste Linhas Aéreas e da Varig, consequentemente cancelando seus vôos em Picos, Recife e Teresina. No ano 2000, mais precisamente no dia 20 de junho, a TAF recebeu um Boeing 737-248C para transporte de passageiros e carga que juntou-se a frota de 5 Cessna 208 e 4 Embraer 110.

Em 2001 suspendeu definitivamente seus vôos com passageiros e se dedicou ao transporte de cargas dos correios. Dois de seus Embraer 110 foram retirados de operação.

Em 2002 recebeu seu segundo Boeing 737-200 Cargo para operar na linha Recife – Natal – São Luis – Teresina – Brasília – Rio de Janeiro. Retirou um Cessna 208 da frota em 2002. Em 2003 a empresa pegou gosto pelo transporte de cargas e passou a atender as cidades de Goiânia e São Paulo com a chegada de outro Boeing 737-200.

Em 2004 recebeu um Boeing 727-228 para incluir no segmento cargueiro. No ano seguinte retomou os vôos regulares e passou a atender também uma linha internacional, na cidade de Caiena, na Guiana.

Em setembro de 2007 lançou um vôo aos finais de semana na rota Recife – Fortaleza – Belém – Manaus – Aruba, com Boeing 737-200. Desde maio de 2009 voltou a se dedicar ao transporte de cargas.

A empresa chegou a fazer 3 voos semanais de passageiros e carga de porão, ligando Fortaleza à Belém, Macapá ,Cayena (Guiana Francesa) e Paramaribo (Suriname). No entanto, a partir de janeiro de 2010 as operações regulares com passageiros foram suspensas, retendo-se apenas ao mercado de cargas e fretamentos. Em 2010, a Anac retirou a licença de vôo e várias aeronaves foram encostadas pelos aeroportos do Brasil, sendo 3 Boeing 737-200 e 2 Boeing 727-200 em Fortaleza.

A TAF não opera mais voos comerciais regulares, atuando atualmente no serviço de taxi-aéreo com base no Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza. A empresa opera um Cessna 208 Caravan.

Fonte: Aviacaobrasil.com / Wikipedia
Jaqueline Aragão Cordeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*